Comunicação Não Violenta no desenvolvimento das crianças

Como a Red Balloon utiliza a Disciplina Positiva e a Comunicação Não Violenta dentro das salas de aula

A Comunicação Não Violenta (CNV) é uma abordagem descrita pelo psicólogo norte-americano Marshall Rosenberg para ensinar mediações de conflitos e técnicas de comunicação. Ela é definida como uma abordagem que compreende as habilidades de falar e ouvir de modo que desenvolva compaixão entre os envolvidos e possibilite a conexão entre todas as partes.

Essa técnica se baseia em uma reformulação de como nos expressamos e também como ouvimos os outros, para que as respostas deixem de ser automáticas e passem a ser conscientes e baseadas na percepção do momento e dos arredores. Essa linguagem não se limita à verbal, e inclui expressões corporais e aquilo que é deixado de fora do discurso, mas fica implícito.

A CNV em sala de aula 

O método de Comunicação Não Violenta pode fortalecer os vínculos entre alunos e professores, estabelecendo uma conexão e confiança, tornando o ambiente de sala de aula mais propício ao aprendizado e promovendo um ambiente respeitoso.

Além disso, ela contribui para a diminuição de conflitos dentro de sala de aula, especialmente quando é pareada com a Disciplina Positiva, uma abordagem da educação com foco na resolução de problemas sem punições. Esse método reforça o sentimento de pertencimento à família, à escola e aos demais grupos sociais, sendo ouvidas, vistas e respeitadas.

Aplicada em todas as unidades da Red Balloon, a Disciplina Positiva visa estabelecer vínculos com os estudantes, contando com a colaboração deles durante as aulas. Isso cria um ambiente acolhedor para as crianças e adolescentes e os motiva a realizar tarefas e estarem presentes e atentos durante as aulas.

O desenvolvimento infantil com a Comunicação Não Violenta

Para além da sala de aula, esse método promove a autoconfiança nas crianças, que se sentem ouvidas e tratadas com respeito, e faz com que tanto jovens quanto adultos percebam quando e por que um comportamento agressivo surgiu, e ajuda a refletir para que isso não volte a acontecer.

Marshall Rosenberg afirma que, por trás de todo sentimento, existe uma necessidade, que pode ser sua ou do outro com quem você estabelece diálogo e, por isso, é importante ter em mente qual é a verdadeira necessidade do que está sendo dito, e o que não está.

Por isso, enquanto as crianças se desenvolvem em meio a ambientes de Comunicação Não Violenta, elas estão em interação plena com seus sentimentos e, ao longo do tempo, esse comportamento se torna natural. A pessoa resgata sua compaixão e compreende melhor a simpatia, bem-estar, tolerância e solidariedade.

Entre em contato