Tarefas escolares: como os pais podem ajudar?

>

As tarefas escolares são uma parte indispensável do plano estudantil e reforçam o conteúdo explicado em sala de aula. Entretanto, apesar dessas atividades serem de responsabilidade da instituição de ensino, é fundamental contar com a orientação da família na hora de realizar a lição de casa para que os pequenos possam compreender melhor tal disciplina. 

Como a Red Balloon está aqui para oferecer o melhor aprendizado aos pequenos — além de dar dicas educacionais para papais e mamães —, preparamos um guia sobre tarefas escolares para que os responsáveis saibam conduzi-las corretamente em casa.

É comum que nos primeiros anos de escolinha as crianças sintam muito mais dificuldade na hora de responderem algum dever de casa. Aqui surge um erro comum cometido pelos pais, que é realizarem a lição no lugar dos filhos. O resultado? O pequeno estudante não absorve os conteúdos corretamente e tampouco aprende a lidar com as tarefas, enquanto os adultos ficam sobrecarregados. 

Se você conhece este cenário, fique tranquila(o) e continue a leitura do manual abaixo, pois a seguir lhe mostraremos como ajudar os filhos na lição de casa da maneira certa, para que eles se tornem alunos ainda mais inteligentes. Vamos lá?

3 benefícios das tarefas escolares para os alunos

Ao contrário do que a criançada acredita, as tarefas escolares não são excessos de atividades ou castigos aplicados pelos professores. Elas fazem parte da metodologia pedagógica e o não cumprimento destes deveres pode acarretar em grandes perdas no aprendizado.

Por isso, é fundamental que os pais reconheçam a importância das lições de casa e possam dar o suporte necessário aos filhos na hora de solucionar os exercícios. Assim, os menores podem alcançar os resultados programados pela instituição. 

Para lhe explicar melhor e aprofundar o tema, abaixo listamos as principais habilidades que são trabalhadas com um simples dever de casa ou exercício extraclasse, além do impacto que cada uma delas causa no progresso escolar do seu filho.

Desenvolve a autonomia

Na escola, o seu filho conta com o auxílio didático do professor para responder todas as dúvidas sobre a disciplina e demonstrar como cada questão deve ser solucionada, indo desde uma equação matemática até a elaboração de redações. Já em casa, é hora do estudante resgatar as informações na memória e colocar as técnicas em prática. 

Assim, sem o educador para dar dicas e intervir no cumprimento da tarefa escolar, o aluno fica livre para colocar no papel exatamente aquilo que foi absorvido durante a aula e que ele compreendeu como o correto. Ou seja, um exercício de autonomia, de autoconfiança e de responsabilidade — afinal, suas notas e aprovações dependem unicamente do seu bom desempenho.

Auxilia na resolução de dúvidas

Segundo o psiquiatra norte americano William Glasser, enquanto colocamos em prática os métodos e teorias, podemos absorver cerca de 80% do conteúdo que nos foi apresentado. 

Ou seja, a solução das tarefas escolares é o caminho mais eficiente para testar a fixação da matéria, para identificar as melhores aptidões do aluno e, consequentemente, as dúvidas e dificuldades do mesmo em determinados assuntos.

Especialmente para crianças menores, o auxílio dos pais é fundamental para que haja essa identificação e fichamento das dúvidas — que posteriormente devem ser sanadas com o professor. 

Isso porque, ainda segundo Glasser, as perguntas com explicações são capazes de nos fazer memorizar cerca de até 70% do que foi dado em sala de aula. Em resumo, quanto mais questionamentos forem feitos pelo aluno, mais aprendizado..

Nivela o conhecimento da turma

A tarefa escolar também é a ferramenta mais eficaz para que os professores possam avaliar o nível de conhecimento de um aluno de forma individual e coletiva. 

Afinal, é por meio dessas avaliações que o plano de aula poderá ser adaptado para atender as diferentes necessidades de cada criança e, assim, oferecer uma metodologia adequada para a faixa etária e para o desenvolvimento cognitivo dos pequenos.

As boas instituições de ensino também utilizam as tarefas escolares para analisar de forma ampla todo o desempenho de suas estratégias pedagógicas e, a partir disso, estabelecer novos planos de aulas, fornecer qualificações aos educadores e implementar programas e atividades para impulsionar o aprendizado da turma.

Os tipos de tarefas escolares

Como você pôde aprender acima, as tarefas escolares fazem parte da proposta educativa da escola. Logo, possuem diferentes graus de dificuldade e exigem diversas habilidades dos estudantes. 

Desse modo, uma simples lição de casa sempre tem finalidades específicas e deve se enquadrar em uma das seguintes tipologias:

Familiarização

A familiarização compõe as primeiras tarefas escolares após a explicação do assunto dado pelo professor. 

É nesse momento que o aluno tem o primeiro contato de forma prática com a matéria. Portanto, o habitual é que sejam exercícios de compreensão e de interpretação mais sucintos e menos aprofundados.

Entre as atividades, as mais comuns são as leituras de textos, os fichamentos, a resolução de problemas e os mapas mentais. E atenção: apesar de simples, não subestime o dever de casa nessa etapa. Ainda que o nível de complexidade seja baixo, a tarefa exige tempo e concentração para ser bem interpretada e respondida como pede o enunciado.

Pesquisa

Mesmo com todas as informações e materiais preparados pelo educador durante as aulas, a tarefa escolar exige pesquisa para que se agregue ainda mais conhecimento sobre o tema em questão.

Essa prática otimiza o tempo de aprendizado em classe, uma vez que, fora da escola, o aluno tem a oportunidade de se aprofundar ainda mais em cada disciplina, usando como base as orientações fornecidas pelo professor.

Uma lição de casa com foco em pesquisa tende a se transformar em um seminário, um relatório ou um debate em grupo, todos com a finalidade de que cada nova informação descoberta possa ser compartilhada com a classe inteira. 

Vale frisar que este método requer um pouco mais de atenção, especialmente na era digital em que um turbilhão de artigos e temas podem confundir o aluno sobre o que realmente é relevante levar ou não para a sala de aula.

Sistematização

A sistematização trata-se de tarefas escolares mais complexas, geralmente aplicadas em turmas de séries e estágios mais avançados. 

Esse tipo de dever de casa consiste na produção de um novo material completamente do zero, partindo de técnicas, teorias e conceitos aprendidos em sala de aula, mas sempre buscando referências em outros materiais didáticos da mesma área e com temática similar ou igual — e isso deve ser apenas para referenciação e nunca cópias, ok?

Essa tarefa escolar pode ser uma síntese, uma redação de determinados gêneros textuais, a elaboração de um esquema de questões e assim por diante. Por ser tratar de uma atividade bem mais estruturada, é importante que os professores forneçam instruções detalhadas para a produção e os pais possam acompanhar o trabalho do seu filho durante a elaboração.

Reforço

Já as tarefas escolares de reforço fazem um apanhado de tudo o que já foi produzido dentro e fora da sala de aula com o intuito de revisar o assunto — tanto para a observação do professor acerca do conteúdo fixado pela turma quanto para uma posterior avaliação e atribuição de nota que permitirá aprovar o aluno naquele estágio ou série.

Simulados, banco de questões, correção de exercícios e releitura dos resumos e artigos são algumas das lições de casa que cumprem o papel de reforço. Vale lembrar que aqui não se trata de uma lição de casa adicional para alunos com dificuldades em determinadas disciplinas, mas sim um dever adicional e comum para toda a classe.

Como ajudar os filhos nas tarefas escolares em 5 passos

Com tantos tipos de tarefas escolares e novos assuntos trabalhados na escola diariamente, os pais e responsáveis também podem se sentir um pouco perdidos quando os filhotes pedem por ajuda na hora responder uma questão, acertamos?

Pois bem, para acabar com este problema no seu lar, separamos cinco dicas que vão lhe ajudar a organizar a lição de casa dos pequenos, além de ensinar como você deve conduzir essas atividades. Olha só:

Siga uma rotina de estudos

Quem tem filhos sabe como é importante manter uma rotina com as crianças em casa, não é mesmo? E com os estudos dos pequenos não é diferente. Portanto, adote um horário fixo para cumprir o dever de casa e imponha disciplina e dedicação nos momentos de estudos — pois dessa forma você evita a famosa procrastinação e preguiça do menor, além de otimizar o tempo em família.

Promova a leitura em família

E já que estamos falando em realizar tarefas escolares em família, a leitura colaborativa é um recurso ideal para essa situação. Com leituras compartilhadas de cada lição, a criança tem a oportunidade de melhorar sua interpretação, expandir seu raciocínio lógico, resolver as atividades com mais rapidez e, claro, treinar a fluência no ato de ler.

Incentive a autonomia nas atividades

É muito importante valorizar cada conquista do seu filho, especialmente quando se trata de novos aprendizados. Isso mostra à criança que ela está no caminho certo e deve continuar trabalhando suas habilidades com empenho e motivação. Além disso, concluir uma tarefa escolar sozinho e ser reconhecido por tal feito é extremamente satisfatório em todas as idades.

Dê mais suporte do que respostas prontas

Uma outra alternativa para incentivar a autonomia dos pequenos é dar o suporte emocional durante as dificuldades encontradas na lição de casa. Ter paciência para ler, reler e instigar o raciocínio da criança é muito mais produtivo do que dar as respostas prontas e interromper o processo de aprendizado do aluno.

Esteja atento(a) às dificuldades do pequeno

É normal que as crianças sintam-se desafiadas por novas tarefas escolares e até digam que elas são impossíveis de se resolver — ainda que saibamos que isso não é verdade. 

Entretanto, como toda dificuldade precisa ser superada, se você notar que seu filho demora muito mais do que outras crianças de mesma idade para absorver um conteúdo, procure um especialista para avaliar o caso e iniciar aulas de reforço ou um novo recurso didático.

Agora que você chegou até aqui, já sabe como funcionam os diferentes tipos de dever de casa e a função de cada um deles para o aprendizado do seu filho. Por isso, não deixe de reservar um horário exclusivo na sua rotina para acompanhar os estudos das crianças e auxiliar ao máximo no ensino aplicado pelos professores.

E claro, contar com boas instituições fazem toda a diferença na educação da garotada. A Red Balloon, por exemplo, é uma escola de inglês para jovens e crianças que se preocupa com o aprendizado do idioma dentro e fora da sala de aula. Gostou e quer saber mais sobre nossas metodologias? Clique aqui e acesse o site agora mesmo.

Compartilhe:

Deixe seu comentário:

Siga nosso instagram!