Nossas 13 dicas de músicas em inglês para te ajudar a praticar!

>

31 de março, 2021

Utilizar músicas em inglês como forma de exercitar o idioma é uma excelente alternativa para quem quer intensificar os estudos, fazer uma imersão cultural e ainda aproveitar o tempo livre ouvindo suas bandas prediletas. E, foi pensando nisso que a Red Balloon preparou um manual completo com as melhores dicas e informações para quem quer dar um up na língua inglesa usando essa técnica divertida e eficaz para alcançar a fluência.

Antes de ensinarmos os truques, vale explicar que não é à toa que os cursos de inglês priorizam experiências musicais em grande parte dos eventos e módulos de ensino, afinal, a música é um recurso extremamente produtivo para o aprendizado e a memorização. Portanto, se você deseja aprender a usar músicas em inglês nos seus estudos em casa, e também conhecer uma sugestão de playlist para isso, continue a leitura e descubra tudo!

A importância de praticar o idioma no dia a dia

Tão importante quanto participar das aulas e absorver a teoria, a prática do idioma precisa ser um exercício diário e levada com comprometimento pelo aluno que deseja alcançar a proficiência em inglês. Dessa forma, adotar métodos que introduzam a língua na sua rotina de maneira natural e prazerosa é indispensável para que o estudo não se torne chato e desgastante.

Assim, por meio da música é possível praticar as quatro habilidades do inglês, reading, writing, listening e speaking, com atividades lúdicas e acessíveis para todas as idades e níveis de fluência. Para isso, é necessário apenas ter uma boa seleção de músicas, com letras, frases e pronúncias adequadas para o estágio de aprendizagem do aluno.

Praticando inglês fora da sala de aula

A prática de Inglês  precisa ser diária, contudo, manter o foco nos estudos sem a orientação e a exigência de um professor ao seu lado pode se tornar uma tarefa difícil de se praticar fora da sala de aula. Por esse motivo, é importante adotar estratégias diferentes para transformar sua experiência com a língua, tais como ouvir músicas em inglês.

Além disso, o contato extraclasse com o idioma permite que o aluno explore novas áreas culturais, descubra diferentes formas de vocabulário e expanda gradativamente o seu nível de domínio sobre as habilidades de aprendizagem. E é a partir dessas experiências que o novo falante de inglês poderá se sentir muito mais confiante em praticar com outras pessoas e contextos, tanto dentro quanto fora da zona de conforto da sala de aula.

Como as músicas em inglês podem ajudar no aprendizado?

Além de tornar tarefas mais divertidas, músicas em inglês são uma boa forma de ampliar nosso repertório cultural.

Segundo a letróloga Natânia Barboza, é por meio dos seus gatilhos emocionais ativados pelas letras e melodias que a música cativa o interesse dos alunos tornando os ambientes mais relaxantes e descontraído. E, mais do que isso, a bagagem cultural das canções permite a abordagem de questões sociais que ultrapassam os conceitos de variação linguística e são extremamente importantes para a formação de um falante não-nativo do idioma.

Ou seja, estudar com músicas em inglês consegue ser mais que uma atividade divertida e proveitosa para o ensino da língua, sendo eleito também um ótimo recurso para preparar o estudante para suas experiências futuras em uma cultura diferente da sua. Além, é claro, de agregar uma bagagem de conhecimentos com muito mais benefícios.

Estratégias de ensino com músicas em inglês

Ainda segundo Natânia, a música funciona como uma estratégia para a fixação da gramática estrangeira e para a pronúncia correta de palavras isoladas e frases, evidenciando a variedade da língua, seja de um país ou de uma região para outra, ou mesmo entre diferentes gerações de uma mesma localização.

Contudo, a letróloga ressalta também que para que a estratégia funcione, é fundamental que as músicas em inglês tenham um vínculo com a realidade dos alunos. Isto é, as canções escolhidas precisam gerar algum sentimento de identificação em quem ouve, seja por meio de um gênero conhecido ou de letras que atribuam sentido àquela forma de expressão. Portanto, atenção na hora de montar sua playlist, ok?

Músicas em inglês para cantar com seus filhos

Agora que você já sabe que as músicas em inglês são uma excelente motivação para estudar, quanto mais personalizada for a sua lista de músicas, mais empolgante serão suas horas de prática do idioma. E, para dar uma ajudinha com os seus primeiros treinos musicais, confira abaixo uma playlist especial que preparamos para lhe inspirar a cantar com seus filhos e manter a prática do idioma sempre em dia.

1. Shape of You — Ed Sheeran

O hit de 2016 “Shape of You” do cantor Ed Sheeran consegue aliar a letra romântica ao agito da melodia e fazer a garotada se empolgar com a canção. E mais: as frases são compostas por conjugações verbais em presente, passado e futuro, uma forma excelente de entender os critérios gramaticais da língua.

2. Happy — Pharrell Williams

Outra canção alegre que caiu no gosto popular foi “Happy”, um dos maiores sucessos do artista Pharrell Williams. A letra é ótima para quem quer aprender a pronúncia certa das palavras e expressões, além de descobrir como interpretar corretamente algumas construções frasais de sentidos abstratos e figurados na língua inglesa.

3. Give Your Heart a Break — Demi Lovato

Para os amantes de músicas em inglês no universo pop, os sucessos da cantora Demi Lovato não podem faltar. Com “Give Your Heart a Break”, dá para compreender como estruturar frases dentro de uma argumentação e ainda pegar várias dicas de um dialeto mais descontraído para socializar em situações de informalidade.

4. Lazy Song — Bruno Mars

Mais um exemplo de como as músicas em inglês ajudam a exercitar um diálogo mais fluido e semelhante aos nativos, a letra de “Lazy Song”, do artista Bruno Mars, traz várias contrações importantes para um speaking bem natural. Afinal, a pronúncia do famoso “I’ll” pode soar diferente de acordo com a palavra que vem na sua sequência.

5. Love Story — Taylor Swift

Já para quem gosta de aprender com as referências de outras histórias famosas, a melodia juvenil de “Love Story”, da cantora Taylor Swift, faz uma grande alusão ao clássico Romeu e Julieta. Escutar a letra encontrando os pontos de menção ao romance Shakespeariano pode ser ainda mais divertido para a turminha que já fez a leitura do livro em inglês.

6. ABC — Jackson 5

Quem prefere os clássicos, não pode deixar de praticar o inglês com a criançada ao som de “ABC” dos Jackson 5, a famosa banda infantil que antecedeu a carreira solo de Michael Jackson. Além de ser uma letra leve e divertida para se ouvir com os pequenos, a canção ajuda a assimilar a sonoridade exata de cada letrinha do alfabeto.

7. Viva la Vida — Coldplay

Apesar do título, “Viva la Vida” é uma das músicas em inglês mais ouvidas dos últimos tempos e inesquecível, mesmo para quem a ouviu poucas vezes. Sua melodia marcante é uma estratégia para quem está buscando formas de memorizar palavras em inglês e jamais esquecer seus significados e contextos.

8. We are the Champions — Queen

E, como a boa e velha música inglesa nunca sai de moda, a canção “We are the Champions”, hit atemporal da célebre banda Queen, não poderia ficar de fora dessa lista. A letra faz uma bela reflexão sobre persistência, essencial para quem está aprendendo um novo idioma, e promove também uma experiência com um sotaque não americano.

5 dicas para estudar com músicas em inglês

Ouvir músicas em inglês enquanto se faz tarefas é uma boa forma de exercitar a escuta passiva da língua!

Já deu para notar como a prática de um novo idioma pode ser levada para fora da sala de aula sem precisar de muito esforço, não é mesmo? E, depois dessa sugestão de playlist pronta para ser ouvida, trouxemos cinco dicas que vão te ajudar a estudar com músicas em inglês e fazer esse momento mais produtivo e agradável. Confere só:

1. Aposte em jogos musicais

Para aprender enquanto brinca com as crianças, as cirandas, as cantigas infantis e o popular karaokê são uma boa opção, mas vale muito a pena incluir as opções digitais na brincadeira. Existem diversos aplicativos de games musicais para smartphones e videogames que vão colocar a família toda para jogar e cantar em inglês.

2. Ouça música durante suas tarefas

Todo mundo tem aquela música internacional favorita que de tanto ouvir já decorou a letra inteira, mesmo sem dominar o idioma, não é verdade? E o fato é que a maioria destes sons são aprendidos fora dos momentos de estudo, quando a música é tocada para embalar qualquer tarefa do dia a dia. Então vale usar a tática para aprender muito mais sobre outras letras e expressões em inglês.

3. Cante a qualquer hora do dia

O ditado popular diz que “quem canta seus males espanta”, mas quem canta músicas em inglês a qualquer hora do dia se diverte e aprende ao mesmo tempo. E, não precisa se preocupar, pois, não é necessário ser em voz alta o tempo inteiro, mesmo que essa prática também seja importante para ganhar confiança. Afinal, apenas a repetição mental das estrofes já ajuda a memorizar a pronúncia e significado das expressões.

4. Estude uma música por dia

Considerando que o estudo do inglês precisa ser uma prática diária, para quem tem pouco tempo a dica é escolher uma música por dia e estudá-la por 10 minutos, e sempre que houver folga entre uma tarefa e outra. Entretanto, saiba que é necessário se dedicar com foco total mesmo durante esses poucos minutos de estudo, ok?

5. Treine a sua escuta passiva

A escuta passiva, isto é, quando você não está necessariamente estudando ou completamente focado no que ouve, também é importante para o cérebro internalizar a língua como um som comum e de fácil assimilação. Portanto, não deixe de ouvir as músicas em inglês por não poder prestar 100% de atenção nas letras, pois o importante é manter o contato com a língua, mesmo que não haja interação direta com ele.

O “Hit Parades” da Red Balloon

A cada planejamento da Red Balloon, nossos alunos têm a chance de aprender e se divertir trabalhando com músicas escolhidas especialmente para cada estágio. Do J1 ao T6 o “Hit Parades” está presente no nosso programa trazendo uma experiência de imersão musical no aprendizado!

Viu só como é possível utilizar as músicas em inglês para estudar e praticar o idioma no seu dia a dia, e das crianças, de forma leve e muito divertida? Por isso, aproveite as dicas acima e monte a sua própria playlist com os hits internacionais favoritos da família, assim ninguém perde a oportunidade de se divertir enquanto pratica o idioma.

Aproveite também para conhecer os programas da Red Balloon, estruturados com metodologias pedagógicas personalizadas para crianças e adolescentes dos 3 aos 17 anos, recheados de sugestões de músicas, tudo planejado conforme o nível de aprendizado individual. Clique aqui e saiba mais sobre a escola de inglês nº 1 do país!

Compartilhe:

Deixe seu comentário:

Siga nosso instagram!