Como os pais podem ajudar os filhos a desenvolverem a autoestima infantil? 

Evitar comparações, reconhecer conquistas e demonstrar afeto auxilia as crianças na construção de uma atitude positiva em relação a si mesmas

A autoestima infantil é a percepção que uma criança tem sobre si, o que influencia a forma como ela se relaciona consigo mesma, com os outros e com o mundo ao seu redor. Vários fatores influenciam a autoestima infantil, como o ambiente familiar e escolar e as interações sociais.  

No aprendizado de um novo idioma, por exemplo, uma criança com a autoestima positiva se sente mais confiante e está mais aberta a novas experiências e desafios. Por isso, entender e estimular a boa autoavaliação das crianças sobre si mesmas é essencial para promover um crescimento saudável e uma base sólida para a construção de uma identidade resiliente ao longo da vida.  

Neste texto, vamos dar orientações aos pais sobre como promover a autoestima infantil e saudável em seus filhos, apresentando estratégias e orientações.  

Autoestima infantil: dicas e atividades para desenvolver a autoconfiança e a resiliência nas crianças 

De acordo com dados divulgados em agosto de 2023 pelo Panorama da Saúde Mental, realizado pelo Instituto Cactus em parceria com a AtlasIntel, 78% dos jovens entrevistados afirmaram sentir-se feios ou pouco atraentes e 73% disseram se sentir pouco inteligentes. O estudo foi feito por meio de questionário online com jovens brasileiros entre 16 e 24 anos. 

Assim, os pais e responsáveis possuem papel importante na construção e manutenção da autoestima de seus filhos. Algumas ações podem auxiliar nesse processo. Confira, a seguir, algumas dicas: 

  • Mostre reconhecimento: é importante que os pais elogiem e valorizem as conquistas de seus filhos, bem como o esforço que eles investem em suas tarefas e objetivos. Essa validação potencializa a confiança e a motivação das crianças. 
  • Seja afetuoso: expressar amor e afeto de forma consistente fortalece o vínculo emocional e a sensação de segurança, fundamentais para a construção da autoestima infantil. 
  • Evite rótulos: reforçar características negativas – por exemplo, atribuídas à bagunça, preguiça ou desorganização – pode prejudicar a autoimagem e a autoestima das crianças. Em vez disso, centre-se nos seus traços positivos e em seu potencial de aprendizagem e crescimento. 
  • Converse sobre sentimentos: abrir espaço para diálogos sobre sentimentos permite que as crianças expressem suas emoções e preocupações. Isso contribui para estreitar as relações entre pais e filhos, além de auxiliar a criança a desenvolver habilidades de resolução de problemas e autoconhecimento. 
  • Evite comparações: comparar uma criança com outra pode causar sentimentos de inadequação e diminuir sua autoconfiança. É importante reconhecer e valorizar as habilidades únicas de cada criança, sem fazer comentários que possam ser prejudicais.  
  • Estimule a autonomia: incentivar as crianças desde cedo a serem independentes e responsáveis também é importante para desenvolver a autoestima infantil. Permitir que elas façam escolhas e assumam responsabilidades adequadas à sua idade também ajuda a promover uma sensação de controle sobre suas próprias vidas.  

A autoconfiança das crianças é essencial para que elas alcancem o aprendizado da língua inglesa em toda a sua plenitude. Por isso, estimulamos que elas se expressem, colaborem e interajam com os outros, coloquem suas ideias com confiança e respeito, improvisem e criem. Conheça mais sobre a Red Balloon!

Entre em contato